Tudo sobre o significado da Páscoa

15/03/16

Muito além das mesas decoradas e ovos de chocolate, a Páscoa é um momento de celebração, reflexão e passagem. Por isso, resolvi ressaltar sua verdadeira importância e essência. Afinal, o verdadeiro significado da páscoa vai muito além…

Neste post você vai acompanhar tudo sobre a origem da páscoa, como é definido a data da páscoa, detalhes sobre a páscoa cristã, a páscoa judaíca e também qual a relação do coelho da páscoa.

origem da pascoa

O significado da Páscoa

O nome Páscoa

O termo páscoa surgiu a muitos séculos atrás, vem do latim Pascae. Porém, sua origem mais remota é entre os hebreus, onde aparece o termo Pessach, cujo significado é passagem.

Data da Páscoa

O dia da Páscoa foi estabelecido por decreto do Primeiro Concílio de Niceia (ano de 325 d.C), devendo ser celebrado sempre ao domingo após a primeira lua cheia do equinócio da primavera (no Hemisfério Norte) e outono (no Hemisfério Sul). Por conta disso, a Páscoa é classificada como uma festividade com data variada, assim como todas as demais festas que estão relacionadas a ela, como o Carnaval e o Curpus Christ. Mas, estimasse que o feriado acontece entre as datas de 22 de março a 25 de abril.

A Semana Santa é a última semana da Quaresma, período em que os fiéis cristãos devem permanecer por 40 dias em constante jejum e penitências.

Páscoa Cristã

A páscoa cristã celebra a ressurreição de Jesus Cristo, que de acordo com a Bíblia ocorreu três dias após a sua crucificação.

A Semana Santa começa com o Domingo de Ramos, que lembra a entrada de Jesus em Jerusalém, ocasião em que as pessoas cobriam a estrada com folhas da palmeira, para comemorar a sua chegada. Já a Sexta Feira Santa é o dia em que os cristãos celebram a morte de Jesus na cruz. No domingo, os cristãos celebram a Ressurreição de Cristo e a sua primeira aparição entre os seus discípulos. Por isso, a semana que antecede a Páscoa é conhecida como Semana Santa.

significado da pascoa

Páscoa Judaíca – Pessach

De acordo com a tradição, a primeira celebração de Pessach (ou Pesach) ocorreu há 3.500 anos, quando segundo Torá, Deus enviou as Dez pragas do Egito sobre o povo egípcio. Antes da décima praga, Moisés pediu para que cada família hebreia sacrificasse um cordeiro e molhasse os umbrais das portas com o sangue do cordeiro.

Naquela mesma noite os hebreus comeram a carne do cordeiro, acompanhada de pão e ervas. À meia-noite, um anjo enviado por Deus feriu de morte todos os primogênitos egípcios, desde os primogênitos dos animais até mesmo os primogênitos da casa do Faraó. Então o Faraó, temendo a ira divina, aceitou liberar o povo de Israel para adoração no deserto, o que levou ao Êxodo.

Como recordação dessa liberação, e do castigo de Deus sobre o Faraó, foi instituído para todas as gerações o sacrifício de Pessach (passagem).

Lenda do coelho da Páscoa

Depois de explicar qual o verdadeiro significado da páscoa, acredito que todos ficam se perguntam qual o real motivo do coelho da páscoa ser o símbolo oficial que representa essa época do ano, não é mesmo?! Existem na verdade duas histórias que justificam a participação deste mamífero, nesta época do ano. A primeira delas (e também a mais conhecida), é a que uma mulher modesta escondeu ovos coloridos em um ninho para entregá-los aos filhos na manhã da festividade religiosa. Porém, quando as crianças descobriram o lugar, um coelho passou, dando as crianças a ideia de que o bicho carregava e distribuía os ovos.

A outra versão foi trazida pelos imigrantes alemãs no fim do século dezessete e início do dezoito. Para os alemães, nesta época do ano era comum esconder ovos de galinha pintados à mão em grandes quintais para as crianças encontrarem. Os coelhos por sua vez, ficavam agitados com a movimentação da criançada, e saltavam de suas tocas. Com o tempo, os adultos uniram os ovos e os coelhos numa história.

Mas, e o ovo de chocolate?? Sabemos que os ovos das histórias contadas acima eram todos naturais e pintados, porém eles foram substituídos pelos de chocolate pelos talentosos confeiteiros franceses ainda no século 18, que descobriram como deixar essa data ainda mais gostosa.

Vale lembrar que tanto no significado judeu quanto no cristão, esta data relaciona-se com a esperança de uma vida nova. E os coelhinhos da páscoa juntamente com os ovos de Páscoa também estão neste contexto da fertilidade da vida.

lenda do coelho da pascoa

História para contar para as crianças sobre a Lenda do Coelho da Páscoa

Perto da casa do menino Jesus, um passarinho construiu seu ninho. Todas as manhãs, Jesus era acordado pelo alegre e bom canto da avezinha.

Certa manhã, porém, ele foi acordado pelo piar aflito do passarinho. Jesus espiou e viu que a mãe passarinho chorava desconsolada, pois a raposa havia roubado os seus ovinhos.

O menino Jesus ficou triste e saiu pelo campo, pedindo aos bichos que passavam que o ajudassem a encontrar os ovinhos roubados.

-Gatinho, queres ajudar-me a encontrar os ovos da mãe passarinho?

-Não posso Jesus. A minha dona encarregou-me de caçar um rato que sempre rouba queijo todas as noites.

Assim Jesus foi se dirigindo aos animais, mas era inútil. Todos estavam ocupados. O cão cuidava da casa. A formiga trabalhava apressadamente. O grilo estava cansado de pular de galho em galho. Nenhum bicho podia ajudar Jesus. Foi então que o coelho colocou as orelhas para fora da toca e disse:

-Jesus, se quiseres, eu posso-te ajudar.

E saiu a correr até encontrar o esconderijo da raposa. Mas que pena. Ela já havia comido todos os ovinhos. O coelho com pena do passarinho e querendo agradar a Jesus, resolveu pedir um ovinho para cada um dos passarinhos que conhecia e levou a Jesus.

O menino Jesus colocou os ovinhos no ninho da mãe passarinho, que nem desconfiou de nada. Como recompensa, o coelhinho foi encarregue por Jesus, de todos os anos, na Páscoa, distribuir ovinhos para as crianças.

pascoa crista

Bem, espero que tenham gostado de conferir este post especial contando um pouco da verdadeira origem e significado da páscoa!

Se você busca mais conteúdos sobre a Páscoa não deixe de conferir:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 Comentários

  1. JANI disse:

    MUITO BOM jULIANA! ADORO SEUS POST, É BEM VERSÁTIL TRATA DE TUDO! AMEI A LENDA DO COELHO DE PÁSCOA, SOU PROFESSORA COM CERTEZA IREI CONTAR AOS MEUS ALUNOS! MUITO FUNCIONAL SEU SEU BLOG, ME SERVE MUITO DE INSPIRAÇÃO PRA TUDO! UM BJO!

    1. Juliana Santiago disse:

      Jani, tudo bem?
      Que bom que você gostou do tema! Realmente adoro trabalha assuntos variados por aqui…
      Beijo grande par você e seus alunos!

  2. Fabiana Cristovam disse:

    Nossa! Nunca tinha visto ou ouvido essa historinha, gostei muito!
    É ótima pra contar para as crianças e une os significados da páscoa muito bem!
    Obrigada pela inspiração Ju! Bjus ;*

    1. Juliana Santiago disse:

      Fabiana, tudo bem??
      Que bom que gostou!
      Fico muito feliz!
      Beijo grande,
      Ju

  3. Claudia Marielli disse:

    Ju! Adorei o post… e principalmente a estória do coelho! Tenho um pequeno de um ano e meio e nesta páscoa ele ainda não compreenderia o porquê e então não me preocupei em explicar muita coisa! Mas para o próximo ano, os avós continuarão a fazer as trilhas do coelho e eu sempre me preocupei em passar pra ele o real sentido dessas datas. Já salvei a parábola no coração. Obrigada e parabéns mais uma vez!

    1. Juliana Santiago disse:

      Claudia, tudo bem??
      Que bom que gostou querida! Fico muito feliz que tenha gostado da estória e do post! obrigada pelo carinho!
      Beijo grande,
      Ju