Modal Workshop


Como Manter um Casamento Saudável — 13 Dicas

04/01/17

Uma das coisas que quero falar mais este ano é sobre relacionamento e as relações entre casais. Nos sabemos o passar dos anos, fica cada vez mais fácil se esquecer do que amamos nas pessoas com quem convivemos e focar mais nos pequenos defeitos que não gostamos. Porém, mesmo que o mundo esteja cada vez mais cheio de relacionamentos efêmeros e descartáveis, é possível manter um casamento saudável.

Pensando nisso separei 13 dicas essenciais para que o seu relacionamento com o seu marido seja sempre leve, saudável e cheio de amor. Vamos conferir?!

comunicacao

Como ter um casamento saudável em 13 passos

Boa comunicação

O primeiro passo para se comunicar bem, é saber ouvir. Se você não escutar com carinho e atenção as coisas que o seu marido te diz e ele não souber te escutar também, vocês nunca vão conseguir se comunicar de forma efetiva, pois a informação sempre ficará perdida. Por isso, tenha paciência para exercer uma boa comunicação entre o casal.

Outro ponto importante para uma boa comunicação, é a forma como escolhemos comunicar o que queremos. Evite palavras ácidas e tons alterados: eles normalmente ferem e fazem com que a outra pessoa se chateie antes mesmo de assimilar o que você disse. E tenham uma comunicação constante — os problemas só podem ser resolvidos se forem conversados.

Companheirismo

O companheirismo é criado e cultivando através de ações pequenas e diárias de respeito, de admiração, de paciência e confiança. Ele acontece em ações simples, quando por exemplo, você pede para o seu marido fazer algo e confia que a tarefa será feita, ou quando seu marido se sente angustiado e sabe que pode ir até você com seus problemas pois será ouvido.

companheirismo

Sinceridade

Sinceridade é mais do que ser honesto com o outro, é também ser honesto consigo mesmo. E em um casamento, é saber mostrar sua opinião de forma franca, porém gentil, sem criticar o outro. É importante que vocês sejam sempre sinceros, mesmo que em coisas pequenas. A ideia de que existem mentiras “boas” é possivelmente maléfica.

Com exceção de situações como surpresas de aniversário, no qual esconder uma informação é crucial para um bom resultado, evite esconder seus sentimentos e seja sempre sincera. Mas faça isso se preocupando sempre com os sentimentos da outra pessoa também. A forma como dizemos a verdade é muitas vezes mais dolorida que a própria verdade.

Afeto

O afeto é outra parte crucial de um casamento. É ele que torna a relação de um casal uma relação de amor e companheirismo — casais que perdem o afeto um pelo outro, acabam se tornando duas pessoas que dividem o mesmo espaço. E ele, assim como o companheirismo, acontece em ações diárias.

Mesmo com o tempo, não perca atitudes carinhosas e de afeto diárias, como o desejo de um bom dia no trabalho, um beijo antes de sair de casa ou um abraço ao encontrar a pessoa. São pequenos gestos carinhosos que transformam a relação de um casal em uma relação de amor e cumplicidade.

romantismo

Romantismo

Por último, mas não menos importante: mantenha o romantismo vivo. É fácil se perder em meio à rotina e as correrias do dia a dia, mas você pode mantê-lo através de pequenas ações, assim como grandes gestos esporádicos. Um café da manhã na cama no domingo, um almoço preparado com carinho, ou um presente sem data comemorativa são ótimas formas de manter o romantismo aceso.

E façam uso também de grandes gestos de vez em quando, como tirar um dia inteiro apenas para os dois, fazer viagens pequenas em um final de semana, ou até mesmo planejar uma surpresa para quando o seu marido chegar em casa.

Digam sempre “Eu te amo”

Parece uma dica boba e meio óbvia, mas lembrar um ao outro do que vocês sentem é importante. Crie um costume entre vocês de sempre usar palavras carinhosas para descrever o sentimento que vocês compartilham um pelo outro. Isso também pode ser feito de outras formas além do “eu te amo”, como por exemplo, você pode ligar para o seu marido ou ele pode te ligar no meio da manhã apenas para dizer que sente sua falta.

Elogiem-se na frente de outras pessoas 

Isso não é apenas algo gentil de se fazer, ajudando a elevar a autoestima da pessoa que você ama, como também aprofunda o sentimento de ligação que existe entre vocês. Todos gostamos de ser elogiados, e quando vem de alguém tão importante como a pessoa que escolhemos para passar o resto das nossas vidas, significa ainda mais. E além disso, é um ótimo exemplo para os filhos!

casamento saudavel

Valorize as pequenas coisas e os pequenos gestos 

Falei ali em cima sobre como é importante que vocês surpreendam um ao outro e mantenham sempre pequenos gestos carinhosos para alimentar o relacionamento de vocês. Então é igualmente importante que ambos saibam valorizar e agradecer os pequenos gestos que vocês fazem um pelo outro. Gentileza é fundamental, principalmente com pessoas que conhecemos e amamos!

Tenha um plano financeiro sólido 

Uma das principais razões para brigas e divórcios de casais atualmente é, sem sobra de dúvidas, problemas financeiros. Infelizmente, o dinheiro influencia muito na nossa qualidade de vida e no nosso dia-a-dia. E para que ele nunca seja um problema ou fique no meio de você e do seu marido, é importante que vocês conversem sobre a vida financeira de vocês como um casal.

Seja flexível 

Nem sempre as coisas são como a gente quer: quem já ouviu a mãe dizendo isso na adolescência? E esse é um conselho para a vida, principalmente para o casamento: nem sempre as coisas vão acontecer como você planejou ou como você queria, e é importante ser flexível. Aceite que certas coisas fogem do seu controle e procure não colocar muitas expectativas nos ombros do seu parceiro.

como ter um casamento saudavel

Mantenha suas prioridades bem definidas 

Em um casamento, seu marido deve ser sua prioridade e você a prioridade dele (no caso de casais com filho, eles obviamente se tornam a nova prioridade de vocês como um casal e como uma família). Portanto, tenham sempre essa ideia bem definida para que vocês tomem decisões e planejem seus dias levando um ao outro em consideração, em primeiro lugar.

Se esforcem para serem justos, pacientes e respeitosos 

Parece um desafio, mas assim como tudo mais na vida, praticar essas ações faz com que elas se tornem parte da sua rotina. Sejam sempre justos, tanto nos momentos de discussões e brigas, como nos momentos de decisões importantes. Sejam pacientes um com o outro, e acima de tudo, respeitem muito ao outro.

E lembre-se: errar é humano. Nem sempre vocês vão conseguir seguir todos esses conselhos. Portanto, sejam também justos com vocês mesmos e aceitem os próprios erros, assim como os erros um do outro.

Cuide de si mesma 

Minha última dica não envolve seu marido, e sim você mesma (e para algum maridão lendo o texto, ela vale para ambos no relacionamento): cuide de você e se ame. É impossível alguém conseguir te amar por completo se você mesma não se amar em primeiro lugar. E é muito importante que você continue cuidando de si própria.

Quem aí nunca ouviu casais falando que depois do casamento todos ficamos mais desleixados? Tente evitar esse desleixo. Seu parceiro vai ficar feliz de ver como você ainda se cuida para ele e para si mesma. E vice-versa.

dicas para um casamento saudavel

Sei que este post é diferente dos que publico por aqui, mas espero de coração que vocês tenham gostado das dicas e que ela possa ajudar na reflexão sobre o casamento. Eu e meu marido, Lucas, procuramos sempre segui-las! Mesmo que às vezes a gente “se esqueça” de alguma delas, tentamos manter nosso casamento sempre regado de amor e de atitudes saudáveis que podem auxiliar no alimento na relação do casal.

Lembrando também que “errar” ou “derrapar” em algumas atitudes é perfeitamente normal na vida de qualquer casal,  por isso não fique presa aos pequenos erros e às brigas do dia-a-dia, siga em frente e tenha sempre a humildade de pedir desculpas e aceitar as desculpas do outro.

Um bom casamento não é feito de atitudes sempre certas, mas da escolha de se perdoar e perdoar o outro nos momentos ruins e buscar sempre momentos melhores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 Comentários

  1. Thays disse:

    Amei as dicas…. penso assim tbm. Mas nem sempre acontece. Meu marido não vê assim,daí estamos num momento crítico. Bjo

    1. Juliana Santiago disse:

      thays, tudo bem?
      Você já pensaram em conversar??
      Beijo grande,
      Ju

  2. Priscilla Calvi disse:

    Amei o post Ju!
    Relacionamento é isso aí! Doses diárias de companheirismo, romantismo, atenção, carinho, cuidado… coisas que fazem toda a diferença e fazem nos sentir queridos pelo outro. E vice-versa.
    Um beijo para você! :*

    1. Juliana Santiago disse:

      Priscilla, tudo bem?
      Justamente!
      Beijo grande,
      Ju

  3. kelly disse:

    Oi JU, obrigada por escrever e nos ajudar, isso é muito importante mesmo no dia a dia e esquecemos devido a rotina. Adorei o post, e espero ler mais desse por aqui no seu blog, afinal faz parte do vida de casada né,rsrs.

  4. Alexsandra disse:

    Amei as dicas. Eu e meu marido temos sempre isso de conversar bastante, se tem algo incomodando, sentamos e conversamos, e outra coisa que fazemos todos os dias antes de dormir é orar juntos (uma coisa que raramente os casais fazem hoje em dia) e acho que isso é uma das coisas pra fortalecer o casal.
    Um beijão pra vc.